24 de nov de 2011

REALIDADE



Sou responsável por cada sonho desfeito, sou responsável porque eu acreditei, a vida ensina. As decepções ensinam.
Quem sonha demais um dia acorda, quem voa alto demais um dia cai, a realidade chega. Daqui em diante é manter os pés no chão e a mente fixa no que é real, no que é palpável.
O mundo não é colorido não, as nuvens não são feitas de algodão, tenho q aprender a ver o mundo como ele é e não como eu gostaria que fosse. Novamente repito pra mim mesma:
“chega de utopias, chega”... “Bem vinda à realidade pamonha, sonhe de olhos bem abertos e se prenda somente ao que for palpável, nada de acreditar em contos e encantos”...

E quando eu sentir falta de um romance, eu compro um livro.

Katia Lazzo