14 de mai de 2012

Vem meu selvagem...

Toda mulher por mais independente ou caçadora
Que seja deseja na cama um homem selvagem,
Sedutor e determinado com pitadas de romântismo...
Um homem que pegue com firmeza sem violência
Que domine inteiramente diga e faça o que quiser
... Sem pedir licença mas respeitando a vontade da mulher
Vem meu selvagem...
Me beije com ardor e paixão...
Me carregue no colo me jogue na cama...
Me prenda com seu corpo e me beije toda...
Cada pedaçinho do meu corpo
Sem me dar tempo para respirar
Suas caricias vão deixando meu corpo quente em brasa
Sinto você gemer de prazer e isso me excita mais...
Quero-te assim...Meu...somente meu!
Sentir teu prazer explodir!!
Nossos corpos ritmados assim pela paixão...
Pelo tesão!!!
Eu serei tua e você... somente meu!
Leka Guimarães